domingo, setembro 27, 2020
No menu items!
Início Notícias Escola que foi alvo de vandalismo recebe pintura nova

Escola que foi alvo de vandalismo recebe pintura nova

O trabalho teve como foco apagar as pichações feitas, há duas semanas, por vândalos que invadiram a escola durante a madrugada

A Escola Estadual André Antônio Maggi, localizada na cidade de Feliz Natal (a 536 quilômetros de Cuiabá), realizou um mutirão no último sábado (13.04) para refazer a pintura do prédio. Com a colaboração da comunidade escolar e do grupo de motociclistas denominados “Moto Clube Abutres”, alunos do ensino fundamental e médio participaram da atividade.

O trabalho teve como foco apagar as pichações feitas, há duas semanas, por vândalos que invadiram a escola durante a madrugada.

A comunidade escolar também participou do processo de remodelação do prédio. A tinta foi cedida pela Prefeitura, ficando a cargo de pais, alunos e profissionais da educação a mão de obra. 

Segundo a diretora da escola, Rejane Rigo de Paula, além da doação das tintas, a comunidade também conseguiu doações dos materiais necessários para a pintura e a mão de obra. O grupo de motociclistas participou da ação ajudando na pintura.

“Foi uma ação preventiva e de sensibilização, pois os alunos ajudaram na pintura e, com isso, tiveram a consciência de que a escola é um bem público, ou seja, é deles também. Esse momento de conscientização é importante porque os alunos ajudarão na conservação do prédio de nossa escola”, destaca a diretora.

Para o assessor pedagógico Zeferino Passos Júnior, que atende o município de Feliz Natal, essa participação da comunidade escolar e do grupo de motociclistas é altamente positiva. “Excelente trabalho da comunidade escolar”.

Vandalismo

A Escola André Antônio Maggi foi vítima de vandalismo na madrugada do dia 29 de março. As paredes amanheceram com várias inscrições, principalmente palavrões, assustando alunos e professores. No mesmo dia, cinco suspeitos foram levados para a Delegacia local, que investiga o caso.

“A escola tem 12 anos e nunca ocorreu algo parecido. Fomos pegos de surpresa quando chegamos para trabalhar e encontramos tudo pichado. Então, reforçamos um trabalho de ação preventiva”, explica a diretora.

Antes da pichação, o representante do Ministério Público esteve na escola conversando com estudantes de uma turma sobre uma questão disciplinar na cidade. A Polícia Militar também participa com o Projeto Luz do Amanhã e já agendou uma palestra para os estudantes sobre o comportamento na escola.

A EE André Antônio Maggi atende 892 estudantes, matriculados nos três turnos, nas séries finais do ensino fundamental (a partir do 7º ano) e Ensino Médio.

FONTESEDUC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Notícias Populares

Live Solidária com Maria Izabel

Maria Izabel começou sua carreira no interior de Mato Grosso, na cidade de Sorriso, onde nasceu. Desde criança, a paixão pela música...

Empresário do ramo artístico é um grande descobridor de talentos do Estado

Conte um pouco da sua história. Trajetória pessoal e profissional. Primeiramente eu gostaria de agradecer ao site “Em...

Gabi Supermercado realiza Projeto Ilustrador do Futuro

Por iniciativa do Gabi Supermercado está em andamento o Projeto Ilustrador do Futuro.Através desta iniciativa a empresa convida todos os alunos de...

Potencialidades de Sinop, do Estado e a construção da Ferrogrão são destaques no EL País

O jornal El Pais, um dos mais conceituados da América Latina, publicou neste domingo, a reportagem ‘o sonho do trem da floresta...